Sobre

o seu professor

Sou Igor Barca e ensino francês e inglês para o CACD há 9 anos. 

Em minha infância, descobri o gosto pelos idiomas e comecei a sonhar em me tornar diplomata. Quando estudava italiano, escrevi em uma redação:

Fare la pace non dev’essere così difficile. 

Eu tinha 10 anos à época e é claro que muito aconteceu. Estudei outros idiomas e tive a oportunidade de concluir um curso avançado de inglês nos Estados Unidos, na belíssima cidade de São Francisco.

Voltei ao Brasil em 2005 e, em 2007, entrei na universidade e o sonho da diplomacia ficou um pouco esquecido. Quando estava terminando o curso superior de Letras – Francês, voltei a sonhar com o Itamaraty e comecei os meus estudos para o CACD. 

Como sabia francês e estava concluindo o curso de Letras, resolvi que também prepararia candidatos para o concurso. Comecei o projeto do Estude Idiomas em 2010, quando não se falava tanto de ensino a distância.

Em 2011, fui à França, para finalizar meu curso superior na Université de Nantes, ainda com o vívido desejo de me tornar diplomata. Quando voltei ao Brasil, estudei um pouco de linguagem de programação, de edição de áudio e comecei a criar o meu site e as primeiras lições. 

Pouco tempo depois, fui convidado para ensinar em dois cursos preparatórios renomados e, ao mesmo tempo, comecei a montar minha plataforma de cursos em vídeo. O sonho de ser diplomata tinha sido substituído pelo prazer de ensinar. Descobri-me professor.

Hoje, posso dizer que tenho um material de alta qualidade para oferecer, desde cursos básicos – para os que estão começando agora – a cursos mais avançados – para os que buscam aparar as arestas através da prática constante.

 

Que idioma vamos estudar juntos?

UM POUCO MAIS SOBRE MIM

  • Violão: sempre quis aprender a tocar violão. Já tinha começado a estudar um pouco sozinho, mas foi em 2018 que consegui evoluir bastante, conseguindo tocar músicas do meu compositor preferido, Chico Buarque.
  • Xadrez: aprendi quando criança e ainda jogo com bastante frequência, disputando alguns torneios online.

Meu primeiro idioma estrangeiro foi o italiano. Depois disso, estudei inglês, japonês, sânscrito, esperanto, alemão, espanhol, grego, latim e francês. Também já me interessei pelo russo e pelo tibetano. 

Já tive a oportunidade de morar nos Estados Unidos e na França. Visitei vários países na Europa: Portugal, Alemanha, Bélgica, Itália, Noruega, Suécia, Finlândia, Áustria e República Tcheca. Na América do Sul, estive apenas no Chile. Na Ásia, tive a chance de conhecer o Japão.